Pular para o conteúdo principal

SOMENTE

Imagem
Sou Sussurro  Suspiro  Sorriso  Amor  Ódio  Grito  Riso  Dor  Demônio  Insano  Anjo  Sano  Bronze  Prata  Ouro  Lata Tropeço  Caio  Levanto  Danço  Luto  Enfrento  Desisto  Aguento  Tudo  Nada  Apenas sou  Apenas eu  Autor: Wandermilton Souza Corrêa 

RELAX

Imagem
Preocupar  para quê?  Se o dia  passa,  sem você  perceber.  Se a noite  chega,  sem você  saber.  Se a festa  acaba,  sem você  ver.  Preocupar  para quê?  Se a juventude  passa,  sem a gente  nem vê.  Se a idade  chega,  sem a gente  nem saber.  Se a vida  acaba,  sem a gente  nem querer.  Preocupar  para quê?  Autor: Wandermilton Souza Corrêa 

DESOLADO

Imagem
Nas entrelinhas  de um verso,  perdido  em pensamentos.  Deparo  comigo mesmo,  desconhecido  e desalento.  Na busca insana  por desejos  e sonhos  não conquistados.  Deparo  comigo mesmo,  perdido e desolado.  A solidão  me consome.  Nem as lágrimas  Vem me visitar.  O meu sorriso  desapareceu  e apagou  o meu olhar.  Mas cada palavra  me traz mais certeza.  Cada sorriso,  me dá mais vontade.  E entre o medo  e o desejo,  eu encontro você  para me dar coragem.  Autor: Wandermilton Souza Corrêa  

EXPECTATIVAS

Imagem
Os dias  nem sempre  são bons.  As circunstâncias  nem sempre  abrilhanta  a vida.  As oportunidades  nem sempre  toca,  nos mesmos tons  das nossas  expectativas.  Esperança  em dias  melhores,  é a razão  para prosseguir.  Acreditando  que a sorte  ainda está  por vir.  Enquanto  a sorte  não nos ilumina, continuamos  escrevendo a história que a vida  nos ensina.  Autor: Wandermilton Souza Corrêa

SILENCIOSO

Imagem
No universo  do meu  silêncio.  Nas entrelinhas  da minha  poesia.  Desejo os seus  abraços,  dia e noite,  noite e dia.  Dei asas a minha  imaginação,  para os meus  versos voar de encontro ao seu  coração e nele  para sempre  morar.  Acreditar que a  essência  do meu sonho  se realize,  é a razão da  insistência  nesse amor  que tanto  preciso.  Autor: Wandermilton Souza Corrêa

CORAÇÃO PARTIDO

Imagem
Parecia perfeito. O nosso sonho de amor. Mas você quis dar um tempo desde então não entendo,  porque tudo acabou. A gente se amava, isso bastava para mim. Sem imaginar como ou quando esse nosso amor  podia ter um fim. A nossa química é perfeita. Nossa pegada também. O nosso beijo é gostoso  com o sabor do desejo  que só a gente tem. Me apaixonei por você,  mas o destino assim quis. Com corações separados cada um para um lado tentando ser feliz. Me apaixonei por você,  mas o destino assim quis. Com corações separados cada um para um lado tentando ser feliz. Autor: Wandermilton Souza Corrêa

INTENSO

Imagem
  Não deixe  que morra  esse amor.    Que abraça.  Que arranha.  Que beija.  Que assanha.  Que pede.  Que entorpece.  Que sede.  Que enlouquece.  Que sonha.  Que inflama.  Que derrete.  Que clama.  Que transpira.  Que canta.  Que inspira.  Que encanta.  Não deixe  que morra  esse amor! Autor: Wandermilton Souza Corrêa

ESSÊNCIA

Imagem
Sonhei com o  seu perfume  e acordei sozinho.  No silêncio  do meu quarto,  solitário em desalinho.  Entre soluços  e lágrimas,  com as palavras  vou brincando.  Tentando esquecer  quem outrora  deixou o meu coração  sonhando.  Na ausência  da sua essência,  a solidão  me faz companhia.  A esperança  da sua presença  me faz viver  mais um dia.  Autor: Wandermilton Souza Corrêa 

FAMA

Imagem
Tic tac, tic tac Tic tac, tic tac Os ponteiros  saltam em passos  largos. Doces como  o mel ou do fel,  o seu amargo. Não importa  se sua estrada tem espinhos  ou é florida. A passagem  nessa nave, é só de ida. Seu dinheiro,  sua fama e todo  o seu status, ficaram só nas  lembranças. Isso é fato! A intenção  só é boa, se a atitude  não estiver  ausente. Qual será  o seu legado deixado nesse  presente. Tic tac, tic tac Tic tac, tic tac Tudo está em movimento  e em transformação. Em todos  os momentos  com ou sem razão. Seus desejos,  sentimentos, pensamentos  e emoção. Tudo que hoje é bom, amanhã será  ilusão. Qual será  O seu legado deixado para próxima  geração. Tic tac, tic tac Tic tac, tic tac Tic tac, tic tac Tic tac, tic tac Autor: Wandermilton Souza Corrêa

AROMA DO DESEJO

Imagem
Um poema, um verso  de amor.  Um grito, um suspiro.  Um eco  de dor.  Na madrugada  vazia,  o silêncio do frio  cortante.  Um coração  pulsando,  clamando uma alma  distante.  Um olhar de  desejo  e a loucura da pele em  chamas.  Na boca o sabor  ardente. Na cama sua essência  e aroma.  Autor: Wandermilton Souza Corrêa 

LEMBRANÇAS

Imagem
Já não me lembro  do seu  riso,  do seu  sorriso  ou se disso ainda preciso.  Já não me lembro  dos seus  carinhos,  dos seus  beijos  ou se isso  era meu desejo.  Já não me lembro  da sua  voz,  do seu  olhar  ou se isso  preciso lembrar.  Já não me lembro  do seu  cheiro,  do seu  sabor  ou se isso  era amor.  Autor: Wandermilton Souza Corrêa